Buscar
  • siteradiologicarv

RAIO-X COLUNÃO e sua importância para a detecção de doenças na coluna vertebral



Dados da Organização Mundial da Saúde (OMS) apontam a dor lombar como o principal fator incapacitante no planeta.


Conforme a entidade, cerca de 80% da população mundial sofre hoje com o sintoma – ou seja, quatro em cada cinco pessoas. Mas como você pode saber se está com problema na coluna, qual o exame que deve fazer? Este é o tema da nossa matéria de hoje.


De acordo com o Dr. Alberto Trazzi Prieto, o Raio-X Colunão é um estudo panorâmico da coluna vertebral. “É um estudo rápido, feito por meio do Raio-X, com baixa dose de radiação, indolor e importante para detectarmos as alterações principalmente do equilíbrio da coluna vertebral, como escolioses e desvios da bacia, e também desvios posteriores ou anteriores, da coluna”, explica o médico.


Segundo ele, este tipo de exame pode ser usado tanto no intuito de prevenir alguma alteração que está havendo por descompensação muscular, ou então por encurtamento da musculatura e de tendões. O exame serve tanto como prevenção quanto para poder se corrigir o problema antes do seu agravamento. Já em quadros estabelecidos, prossegue o médico, este Raio-X pode quantificar estes desvios, e suas possíveis etiologias (por exemplo se são decorrentes de alterações degenerativas ou de alterações genéticas).


O Dr. Alberto alerta ainda que quanto mais precoce inicia-se a pesquisa com esse estudo, mais rápido o médico consegue fazer a intervenção e melhorar a qualidade de vida do paciente. Isso se aplica tanto quando o paciente é um atleta, para que ele possa prevenir lesões, como também para pacientes comuns ou que já estão com a doença estabelecida, para se fazer a correção mais rápida do problema.


Por este motivo, recomenda ele, “é essencial cuidar do problema logo no início e fazer os exames, para se evitar o avanço e o desenvolvimento para uma doença crônica”.

14 visualizações

©  2018  Clínica Radiológica Rio Verde

  • mailB
  • White Facebook Icon
assinatura branca pqn.png