Buscar
  • siteradiologicarv

INDO ALÉM DO NOVEMBRO AZUL: Conheça outras doenças que podem acometer o homem


Neste sábado, 30, se encerra a Campanha “Novembro Azul” de 2019, dedicada especialmente a conscientização e prevenção do câncer de próstata.


Mas não é só esta doença que figura entre as principais causas de mortalidade entre os homens. Por isso, na matéria desta semana vamos abordar outras duas patologias que devem ser observadas para melhorar a saúde masculina.


Médico da Clínica Radiológica de Rio Verde, o Dr Mário Augusto Padula Castro explica que nesta mesma linha, além do câncer de próstata, o homem também corre o risco de ser acometido pelo câncer de testículos e câncer de pênis.


“Estes dois tipos de câncer não são tão comuns, mas requerem atenção masculina, pois quando detectados logo no início, a cura é mais fácil, apresentando baixo índice de mortalidade”, frisa o Dr Mário.


CÂNCER DE TESTÍCULOS

O tumor de testículo corresponde a 5% do total de casos de câncer entre os homens. Apesar de raro, preocupa porque a maior incidência é em homens em idade produtiva - entre 15 e 50 anos. Nessa fase, há chance de ser confundido, ou até mesmo mascarado, por orquiepididimites, que é a inflamação dos testículos e dos epidídimos (canais localizados atrás dos testículos e que coletam e carregam o esperma), geralmente transmitidas sexualmente.


CÂNCER DE PÊNIS

O câncer de pênis também é raro, com maior incidência em homens que têm 50 anos ou mais, embora possa atingir também os mais jovens. A doença está associada à má higiene íntima, à infecção pelo pipolmavírus humano (HPV) e a homens que não se submeteram à circuncisão, a remoção do prepúcio, pele que reveste a glande – a “cabeça” do pênis.


No Brasil, o câncer de pênis é mais comum nas regiões Norte e Nordeste, representando 2% de todos os tipos de câncer que atingem os homens. O diagnóstico precoce é fundamental para evitar a evolução do tumor e a posterior amputação total do pênis, que traz consequências físicas, sexuais e psicológicas ao homem.


EXAMES

De acordo com o Dr Mário Augusto, a Clínica Radiológica de Rio Verde realiza o exame da bolsa escrotal com doppler para investigar o Câncer de Testículo, e ultrassom para diagnosticar o câncer de pênis. “São exames indolores, sem necessidade de preparo específico, e com alta sensibilidade e especificidade para o diagnóstico da doença”.


OBS:. Em caso de dúvidas, ou queira mais informações, é só entrar em contato ou agendar uma consulta pelos fones (64) 2101-8950 ou 99208-1280.

9 visualizações

©  2018  Clínica Radiológica Rio Verde

  • mailB
  • White Facebook Icon
assinatura branca pqn.png